sábado, 17 de fevereiro de 2018

Lenha na Fogueira - 18;02;18




Antigamente num domingo como o de hoje, a coluna do Zekatraca saia de circulação e só voltava no mês de outubro.

********
É isso mesmo, naquele tempo, parávamos de escrever a Lenha na Fogueira que era “Esquentando os Tamborins”, no domingo após a quarta feira de cinzas. Quem transformou a coluna em diária foi o saudoso Emir Sfair quando abriu espaço no Diário da Amazônia.

********
A mudança de “Esquentando os Tamborins” para “Lenha na Fogueira” aconteceu porque, no Diário da Amazônia, começamos a escrever justamente no mês de junho, tempo de quadrilha e boi bumbá, ou melhor, das festas folclóricas, como o Arraial Flor do Maracujá. Não tinha como permanecer com o título de “Esquentando os Tamborins”. Quem sugeriu o “Lenha na Fogueira” foi o artista plástico e chargista João Zoghbi.

********
Lembro que na coluna após o carnaval, a de encerramento, eu publicava o nome de todos os colaboradores. Aí a turma ficava sabendo quem entregou quem. Paramos de citar os nomes e assumimos todas as “porradas”.

********
A Lenha na Fogueira é da idade do Diário da Amazônia e foi também no Diário que alcançou maior sucesso. Graças a Deus nossa coluna é acompanhada por muitos leitores, podemos até arriscar que mais de mil pessoas leem nossas besteiras diariamente. Obrigado a vocês queridos leitores.

********

Assim sendo e como não mais paramos de escrever. Até porque o carnaval ainda não acabou em Porto Velho, uma vez que no próximo sábado dia 24, ainda teremos os desfiles das escolas de samba, vamos continuar a publicar sobre os bastidores das nossas agremiações carnavalescas.

********

Ontem a escola de samba Asfaltão completou 47 anos de carnaval. O Asfaltão surgiu como bloco de Originalidade categoria pela qual ganhou muitos títulos. Acontece que pouca gente se ligava nos títulos vencidos pela agremiação, que nasceu na equipe que trabalhava asfaltando Porto Velho. Daí o nome de Asfaltão.

********
Acontece que a maioria pensava, que só quem disputava como Bloco de Originalidade era o Rei da Selva e o bloco do Inácio Campos e esqueciam do Asfaltão. Só na década de 1980 foi que a escola preto e amarela, passou a disputar pela categoria bloco de empolgação, Escola de Samba do Segundo Grupo e por fim, pelo grupo Especial. Hoje o Asfaltão é considerado como uma das melhores escolas de samba de Rondônia.

*******

Por falar em escola de samba, a São João Batista recebeu um brinde do Grupo SGC que com certeza, vai fazer a diferença nas arquibancadas e camarotes durante seu desfile. Foram leques com a letra do samba enredo que conta a história do Manelão. Legal essa iniciativa da direção do SGC. Tudo graças ao enredo sobre a história de Assis e Nair que a escola mostrou na avenida no carnaval de 2016.

********
Uma escola de samba que está bombando nos ensaios é a Império do Samba. Mirim acertou em cheio ao passar a direção de carnaval para a equipe da quadrilha JUABP. As concorrentes que se cuidem, pois o João Big não cansa de falar que a Império do Samba veio pra ficar no grupo especial.

********
Assim sendo Diplomatas, João Batista e Asfaltão têm que se virar para continuar na elite do carnaval de Porto Velho.

********
Pelo grupo de acesso tudo indica que a Acadêmicos da Zona Leste vai dominar e conseguir passar para o grupo especial no carnaval de 2019.

*******
Depois que o Severino Castro “implorou” aos quadrilheiros que desfilem pela escola Os Diplomatas as concorrentes estão tremendo. A turma GLBTS está caprichando nas fantasias. É cada uma mais bonita que a outra. Sorte do Jair Monteiro.

*******
Quem vai cair eu não sei! Sei que a disputa no grupo de acesso das escolas de samba, vai ser bastante acirrada.

Reta final dos ensaios das escolas de samba



As escolas de samba de Porto Velho entram na reta final dos preparativos, visando os desfiles que vão acontecer no próximo sábado dia 24.
Sete escolas de samba, sendo três do grupo de acesso Acadêmicos da Zona Leste, Unidos da Rádio Farol e Acadêmicos do Armário Grande e quatro do grupo especial Império do Samba, Acadêmicos do São João Batista, Os Diplomatas e Asfaltão estarão mostrando seus enredos na passarela do samba “Edson Fróes”, a partir das 19h30 de sábado na “Cidade da Cultura” (Parque dos Tanques), com o apoio da prefeitura de Porto Velho através da Funcultural e governo do estado através da Sejucel.
Segundo o presidente da Funcultural Antônio Ocampo Fernandes, pela parte da prefeitura está tudo correndo dentro do cronograma pré agendado. “Até quarta feira, começamos a montar a parte da estrutura que nos cabe”, disse Ocampo Fernandes enquanto isso, o responsável pelo Departamento de Cultura da Sejucel Fabiano Barros informou a nossa reportagem, que a Licitação da Estrutura, vai acontecer no próximo dia 21 e que tudo está correndo dentro do que reza a burocracia. “Por ordem do superintendente Rodnei Paes estaremos acompanhando de perto os trâmites da Licitação. Provavelmente no dia 22, já estaremos montando toda a estrutura de arquibancadas, camarotes, sonorização, iluminação e tudo que cabe ao governo do estado”, disse Fabiano.

Menos tempo de desfiles


 A Federação das Escolas de Samba já providenciou o ajuste do Regulamento que deve ser seguido pelas agremiações filiadas, nos desfiles deste ano. “A novidade é que diminuímos o tempo de desfile, tanto das escolas do grupo de acesso, como do grupo especial. Os dirigentes concordaram que o grupo de acesso terá que desfilar em no mínimo 30 minutos e no máximo em 40 minutos e que as escolas do grupo especial desfilarão em no mínimo 40 minutos e no máximo 50 minutos”, disse o presidente Hudson Mamedes. Os desfiles acontecerão em um único dia, ou seja, sábado dia 24 na Cidade da Cultura (Parque dos Tanques) obedecendo a seguinte ordem:
Acadêmicos do Armário Grande, Unidos da Rádio Farol e Acadêmicos da Zona Leste pelo grupo de acesso.
Império do Samba, Acadêmicos do São João Batista, Os Diplomatas, O Asfaltão pelo grupo especial.
Os desfiles estão marcados para iniciar as 19h30.

Enredos


Quatro escolas de samba vão homenagear personagem que militam ou militaram na cultura de Rondônia: Unidos da Rádio Farol “Pintando e Desenhando a Vida – João Zoghbi, Cores na Avenida”; Os Diplomatas - “Mestre Severino seus Caminhos, suas histórias, - Rondônia em Arte, Folclore e Folia”; Asfaltão – “Do Forte Príncipe ao Porto. Hoje Bainha é Rei na Corte do Tigre” e São João Batista: “Manelão o General da Folia, o Rei da Alegria”.
As demais escolas vão cantar na Passarela do Samba Edson Fróes samba sobre os temas: Acadêmicos da Zona Leste – “É Mentira, Quem Quiser que Conte Outra”. Império do Samba “Do Sol ao Carnaval – Império – A Chama que Ilumina a Vida”. A escola de samba Acadêmicos do Armário Grande não atendeu nossa solicitação quanto ao título do seu tema.

Ensaios

Asfaltão ensaia na Tenda do Tigre a rua Jacy Paraná sempre a partir das 20 horas. Hoje o encontro é no Bar do Calixto a partir das 12 horas.
Os Diplomatas – Ensaia na Praça São José - Bairro do Mocambo a partir das 20 horas, o ensaio geral será na próxima sexta feira dia 23.
São João Batista ensaia de terça a sexta, no Parque dos Tanques a partir das 20 horas.
A Império do Samba ensaia no Cedel do Três e Meio (Areal da Floresta) a partir das 20 horas, de terça a sexta feira.
Acadêmicos da Zona Leste ensaia no Parque dos Tanques a partir das 20 horas, de terça a sexta feira.
Unidos da Rádio Farol ensaia no barracão da Álvaro Maia atrás do colégio Castelo Branco de terça a sexta feira, a partir das 20 horas.

sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018

Lenha na Fogueira - 17.02.18


O carnaval de rua de Porto Velho relativo a desfiles de blocos de trio elétrico, termina na noite deste sábado, com os desfiles dos blocos Axé Folia Mix e do bloco Tô de Folga, pelo circuito Pinheiro Machado.
*********
O carnaval geral só termina no próximo sábado dia 24, com o desfile das escolas de samba no Parque dos Tanques.
*********
Por falar em escola de samba, hoje tem ensaio na Acadêmicos do São João Batista. A azul e branco que vai homenagear o Manelão da Banda, ensaia a partir das 19 horas no Parque dos Tanques.
*********
Hoje, amanhã e depois também tem ensaio na escola de samba Asfaltão. A escola do Tigre reúne na tarde deste sábado seus brincantes e simpatizantes a partir das 14 horas, na Tenda do Tigre a rua Jacy Paraná.
********
A escola completa 47 anos de fundação neste sábado e a festa será com o ensaio técnico que vai acontecer pelas ruas do bairro Nossa Senhora das Graças. Parabéns Asfaltão.
*******
Os ensaios da Escola de Samba Asfaltão estão em ritmo acelerado, pois a família Amarela, Preto e Branco não nega que de fato tem a garra de um bom Tigre guerreiro, afinal, o homenageado com tema “Do Forte Príncipeao Porto. Hoje Bainha é Rei, na Corte do Tigre!!!”, tem invejável vitalidade e o vigor, que lhe rendeu uma grande e linda história.
*********
Os ensaios da escola Diplomatas do Samba acontecem na Praça São José no Bairro Mocambo. A escola dirigida pelo Jair Monteiro vai contar a história do folclorista Severino Silva Castro presidente da quadrilha Rádio Farol.
*********
Dizem que vários grupos de Quadrilha Junina estão exigindo a pedido do Severino, que seus brincantes desfilem pela Diplomatas do Samba. Se, pelo menos, a metade acatar a ordem, a Diplomatas colocará na Passarela do Samba mais de MIL quadrilheiros.
*********
NOTA: Prêmios Zezinho Maranhão e De Palma serão prorrogados.
Artistas que ainda não se inscreveram terão mais 45 dias para participar. A Portaria deverá ser publicada na próxima semana com data retroativa garantindo aos produtores de Rondônia mais tempo para organização das propostas. Acesse http://sescro.blogspot.com.br/p/esporte-e-lazer.html
********
O sistema Fecomércio através do Sesc, embasado em sua política cultural, convoca toda a comunidade artística e produtores culturais de Rondônia, nas linguagens: artes visuais, artes cênicas, literatura, música e audiovisual a apresentarem projetos para compor o banco de projetos culturais do Sesc em Rondônia em 2018, podendo se estender a 2019.
********
O Sesc atua em todo o Brasil e desenvolve projetos que fortalecem a produção cultural de diferentes regiões. Dessa forma, oferece programações pautadas na diversidade de gêneros e estilos.
*********
Em suas representações regionais, o Sesc busca conhecer as produções locais, incentivando-as por intermédio da contratação de artistas para suas programações.
*********
A seleção de projetos por intermédio do chamado público para O BANCO DE PROJETOS possibilita o acesso democrático à pauta do Sesc em Rondônia, difundindo espetáculos, shows e obras artísticas, valorizando e estimulando a produção e a pesquisa de grupos e artistas da atual cena rondoniense, e auxiliando nas formas de mediação entre a Cultura e a Sociedade.
********
Para participar, o interessado deve baixar a ficha de sua respectiva linguagem, preencher e enviar no e-mailcultura@sescro.com.br, com o assunto: “proposta para o banco de projetos culturais – linguagem ... (nome da linguagem) ”, no formato PDF, até o dia 23 de fevereiro de 2018. Mais informações no (69)3229-6006 ramais 238 e 239 na Coordenação de Cultura.
********
Como estou de Folga vou brincar carnaval no Axé Folia Mix. Vamos la morena!

Hoje tem Axé Folia Mix no circuito da Pinheiro


Considerado o bloco mais top do carnaval da cidade de Porto Velho, o Axé Folia Mix desfila na madrugada de sábado para domingo.
O presidente Nier convida os sócios do cordão, para estarem na concentração a partir das 20 horas para participar do esquenta.
As atrações do Axé Folia Mix deste 2018, são os cantores Gabriel Parada, Rafhinha Barba, Krissia Ugalde e o DJ Willames. “Pedimos aos que não se adéquam ao estilo do nosso bloco, que não apareçam para não estragar nosso maravilhoso desfile que ha muito tempo, é referência em carnaval com paz, alegria e gente bonita”
A grande novidade do Axé Folia no carnaval deste ano, é que o Nier vai colocar dois trios elétricos puxando o bloco. “A Banda com as atrações musicais vai no trio Mamoré e a pipoca vai curtir o som de um trio exclusivo”, disse o presidente Nier Ferro.

To de Folga

Os policiais militares que trabalharam durante o carnaval, se reúnem na noite deste sábado a partir das 20 horas, na avenida Pinheiro Machado, para brincar carnaval no bloco “Tô de Folga”.
A prefeitura de Porto Velho através da Funcultural, disponibilizou para a direção do bloco, o trio elétrico da empresa Criativa. As atrações serão Banda Piolho de Cobra, Thaysa Tayna, Tamojunto e DJ Bob.
Programação
O que – Desfile dos blocos Tô de Folga e Axé Folia Mix
Local – Avenida Pinheiro Machado com Presidente Dutra
Hora da Concentração – 20 horas
Desfile – Tô de Folga as 23 horas; Axé Folia Mix 00 hora.

quinta-feira, 15 de fevereiro de 2018

Lenha na Fogueira - 16.02.18


O carnaval mandou recado claro aos políticos brasileiros, dizendo que ninguém tolera mais as falcatruas tramadas na calada da noite dentro, dos gabinetes e empurradas goela abaixo, na sociedade.
********
Os enredos das escolas de samba Beija Flor e o da Paraíso do Tuiuti refletem bem o desejo do povo brasileiro. Principalmente a Tuiuti que mostrou, o quanto os políticos ainda praticam o sistema escravagista, que até domingo passado, ficou escondido por uma Lei (Áurea), que jamais poderia ser considerada como de LIBERTAÇÃO.
********
A escola que não era nem de longe, considerada páreo para uma Salgueiro, Portela, Unidos da Tijuca e tantas outras consideradas do primeiro time do carnaval brasileiro, mostrou que quando se fala a verdade, mesmo que seja num desfile carnavalesco, não se merece castigo, muito pelo contrário.
*******
A escravidão na história da Humanidade foi mostrada no carnaval do Rio de Janeiro, pela Paraíso do Tuiuti. A escola de São Cristóvão propôs uma reflexão sobre os 130 anos da Lei Áurea e como a escravidão permanece nos dias atuais.
*********
A crítica sobre a reforma da Lei Trabalhista imposta aos trabalhadores brasileiros, estava lá, retratada por carteiras de trabalho sem assinatura e o que foi mais impactante, um presidente da república com a CARA DE VAMPIRO. Quer dizer: “O Atual governo está sugando o sangue dos brasileiros”.
*******
O desmanche dos programas sociais e principalmente a tentativa de reforma na Previdência que pode transformar o brasileiro num escravo da idade da aposentadoria.
********
A sacada do carnavalesco da Tuiuti merecia não apenas o 2º lugar, mas, o PRIMEIRO LUGAR e com méritos. A escola de samba que veio do Grupo de Acesso com a pecha de IO IO (aquela que sobe e desce constantemente), deu seu recado, mostrando que até no carnaval, o povo está cansado da mesmice. Ficou com a segunda colocação na nota dos jurados e em 1º lugar no coração do povo brasileiro.

********
A Beija Flor também perguntou por onde anda os filhos da nossa querida “Pátria Amada”! Questionou a falta de segurança em todo território nacional em especial no Rio de Janeiro.

********
A escola de Nilópolis também chamou a atenção para a Operação Lava Jato e transformou o prédio da Petrobras numa ratoeira, no símbolo da sujeira da rapinagem que quase leva nossa maior empresa a falência.
*********
Não sei se a Beija Flor queria mesmo protestar ou apenas tirar proveito da situação, na tentativa de recuperar o desastre que foi o desfile do ano passado. Pode até ser que a escola da família Abrão atirou prum lado e acertou do outro, o certo foi que os jurados acharam que seu tema tinha tudo a ver, com o que pensam os brasileiros. Nota Dez pela coragem de mostrar a realidade nua e crua que todo mundo tá acostumado a assistir nos telejornais diários.

********
Em Porto Velho, a responsável pela voz do povo, foi a Banda do Vai Quem Quer ao colocar como tema “Para o Brasil Voltar a Ser Campeão, Não Reeleja Político Ladrão”. A letra da marchinha composta pelo Toninho Tavernard manda o povo dar um chute na BUNDA do político ladrão.

*******
Como integrante da diretoria da Banda, me critico por não ter sugerido que a música fosse mais explorada. Era preciso que divulgássemos a letra em tudo quanto fosse meio de comunicação e procurássemos divulgá-la principalmente nas rádios, para que ficasse impregnada no cerebro dos eleitores, de maneira de que, na hora do voto se lembrassem de realmente dar o Chute na BUNDA do político ladrão.
*******
Mesmo assim, podemos considerar como objetivo alcançado o tema da nossa Banda. Mostramos que o folião de Rondônia também está de Olho na atual conjuntura da política brasileira.

Desfile do Bloco Leva Eu nesta sexta na Zona Sul





O carnaval de rua de Porto Velho continua na noite desta sexta feira com o desfile do bloco Leva Eu na Zona Sul da cidade.
Com cinco atrações musicais entre eles a Banda Lua, Mário San, Mikéia Oliveira, Denny Mel e Jairo Gordin o Leva promete colocar na avenida Jatuarana o que temos de melhor em se tratando de bloco de trio elétrico.“Nossos foliões são a razão a nossa existencia e por isso merecem o melhor do melhor durante o nosso desfile”, disse o presidente Vava.
A concentração está marcada para as 20 horas em frente ao campo Florestão e o início do desfile, para as 23 horas. “Vamos proporcionar aos foliões da Zona Sul, aproximadamente Três Horas de muita animação”.
Este ano a direção do Bloco Leva Eu realizou vários eventos na Associação Salves Jorge localizada na Vila Tupi, com o propósito de deixar os carnavalescos preparados para enfrentarem o grande cortejo que vai acontecer na noite desta sexta feira 16.
A banda Lua será a responsável pelo desfile do bloco propriamente dito. “Tocando tudo quanto é ritmo, nossa banda pretende fazer o melhor em se tratando de carnaval, na noite desta sexta feira”.
O Alvará de licença para o desfile do bloco leva eu 2018, está autorizado e a concentração ocorrerá a partir das 20h.
As vendas do abadá estão a todo vapor e está em segundo lote. O Bloco Leva Eu conta com toda a população para participar da mais bonita festa de fechamento do circuito da Jatuarana. Foliões, Família, e toda população está convidada! Mais informações: 99257-7099 / 99325-7476 / 99240-1125

quarta-feira, 14 de fevereiro de 2018

Lenha na Fogueira a- 15.02.18


Acabou nosso carnaval... Saudades e cinzas foi o que restou... E no entanto é preciso cantar... É preciso cantar e alegrar a cidade... Quem me dera viver pra ver e brincar outros carnavais... (Versos da Marcha da Quarta Feira de Cinzas de Vinícius de Moraes).
*********
Apesar de que, no caso de Porto Velho, para desespero do professor “azedo”, o reinado de Momo só vai acabar no próximo dia 24, com os desfiles das escolas de samba.
*********
Se não fosse os problemas registrados na brincadeira de um bloco da Zona Sul, pelo menos até agora, 2018 poderia ser considerado como sendo dos últimos anos, o carnaval mais tranquilo.
**********
Acontece que no próximo final de semana ainda teremos blocos desfilando no circuito da Pinheiro Machado e no dia 24 como já escrevi, os desfiles das escolas de samba.
*********
Quando isso acontece, estou falando do controle da violência durante o carnaval, devemos louvar a participação eficiente da Polícia Militar de Rondônia. Petran, Corpo de Bombeiros e COE.
*********
Ta certo que em momentos isolados, algum integrante da segurança oficial, tentou usar o famoso, “você sabe com quem está falando”. Porém foram casos mais que isolados.
***********
Aliás, em apenas dois momentos aconteceram esse tipo de falta de compreensão. No bloco Canto da Coruja e terça-feira dia ’13, no Carná Leste quando o comandante dos Bombeiros que estava comandando a fiscalização no Carná Leste, acertadamente impediu que o Trio Elétrico começasse a se deslocar caso um dos pneus não fosse trocado. Até aí tudo bem. Acontece que depois que trocaram o dito pneu o Comandante voltou a impedir o trio de sair, porque tinha que trocar outro pneu. O que irritou os organizadores, foi “Por que ele não condenou os dois pneus de uma vez?”.
*********
Vejam a nota que o presidente da Funcultural, Antônio Ocampo postou nas redes sociais a respeito do Carná Leste:
**********
O público compareceu e a banda arrastou milhares de foliões, isso tudo sem uma briga no percurso. Policiamento perfeito. Mas nem tudo é perfeito. Tivemos uma chuva demorada, o que atrasou a saída do bloco.
*********
Mas o que atrasou mesmo foi atitude INAPROPRIADA da equipe do Corpo de Bombeiros que pediu a troca de um pneu na hora do bloco sair. Sem sensibilidade a atitude de um bombeiro militar. Pois o equipamento deve passar por inspeção no momento que eles são pagos para liberar a documentação.
**********
Deveriam ir à empresa e fazer a vistoria. Tiveram tanto rigor e deixaram de fazer o mesmo em outros blocos.
*********
Portanto, fica aqui uma sugestão: façam isso antes da autorização da documentação! (Postou Ocampo)
*********
Depois que os pneus foram trocados, o carnaval seguiu pela Mamoré até a Vieira Caula sem nenhum problema, quer dizer: O folião da Zona Leste sabe brincar carnaval. Valeu.
********
O Bloco Jamaica dirigido pelo meu amigo Zeka Pedra fez a diferença no Carná Leste 2018. Mais de 300 regueiros desfilaram devidamente caracterizados, inclusive eu e o Antônio Neto.
*********
Um carnaval que está crescendo a cada ano, é o realizado na rua Calama. Uma disputa entre os blocos do Bar do Pernambuco: “Concentra Mais não Desfila” e o bloco do Beto Cezar: “Sai Daí, Vem pra Cá”.
**********
Enquanto isso no centro da cidade, o bloco Kagalho fez o maior sucesso desfilando embaixo de chuva. E põe chuva nisso, foi um aguaceiro e a turma não parou de brincar. Quase 500 foliões acompanharam o bloco.
********
O responsável pelo fechamento dos desfiles de terça-feira foi o “Porto Folia”, que fez o circuito Caiari levando uma multidão. O Porto Maria a cada ano se consolida como um dos melhores blocos de Porto Velho.
*********
...Ai quarta feira ingrata, chega tão depressa, só pra contrariar...